Ontem (08) pela manhã, estiveram presentes na sede da Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, a bancada patronal do Sindicato representante das empresas de Fundição e a bancada de negociação dos trabalhadores para a assinatura da Convenção Coletiva de Trabalho referente à Campanha Salarial de 2017.

“Tem sido a Campanha Salarial mais difícil de todos os tempos, principalmente em função das incertezas frente a Reforma Trabalhista”, declarou Claudio Magrão, Presidente da Federação. Conseguimos por mais um ano garantir o que consideramos ser o que existe de mais valioso para a categoria metalúrgica do Estado de São Paulo que é nossa Convenção Coletiva e os direitos que protegem os trabalhadores”, concluiu.

Este foi o primeiro grupo patronal a assinar a Convenção. Nos próximos dias espera-se que outros grupos façam o mesmo com a Federação para que todos os trabalhadores de todas as indústrias metalúrgicas do Estado de São Paulo estejam protegidos em seus direitos.